domingo, 29 de novembro de 2009

Português realiza documentário sobre a Turquia

O Português João Romão realizou o documentário "Vizinhos - Turquia: Outro lado da Europa", juntamente com Vico Ughetto e Maral Jefroudi.
O filme poderá ser visionado no canal dois da televisão pública portuguesa (RTP2) na primeira semana de Janeiro de 2010 no dia 17 de Fevereiro de 2010 às 23.40 horas, e conta com a ajuda da visão de uma investigadora de uma universidade local.
O documentário foi filmado em Istambul e em Diyarbakır, cidade do sudeste da Turquia de maioria curda, onde a equipa aproveitou o facto de no passado mês de Setembro se ter aí realizado o Fórum Social da Mesopotâmia, para captar depoimentos sobre a discriminação da minoria curda no país.
O filme aborda ainda temas como os direitos da população LGBT, a igualdade de género e a relação com os Curdos. É também rico em imagens, não faltando alguns dos principais ícones de Istambul, como a basílica de Santa Sofia e o Grande Bazar.
A banda sonora esteve a cargo do grupo musical turco "Baba Zula", e o reponsável pela selecção musical foi Luís Varatojo do grupo "A Naifa".
O documentário será editado em DVD e traduzido para Português, Inglês e Turco. Está prevista a sua exibição na Turquia e a participação no European Independent Film (Paris) e no Documenta Madrid (Espanha).



3 comentários:

Sofia disse...

Cara Lídia
O seu blog é um fantástico mar de informações para qualquer português que se interesse pela Turquia!
A minha amada e maravilhosa Turquia!
Turquia ainda hoje tão mal vista aqui por estas estreitas visões lusitanas....
"Vizinhos"...estou muito curiosa pela perpectiva apresentada por este documentário luso..
"Türkie çok seviorum"(?)
Como portuguesa que vive na Turquia gostava de saber a sua opinião sobre estes "Vizinhos"
Um abraço Sofia Trincão

inishman disse...

Olá Lídia!
É a Inês, da Casa do Infante. Bom Ano!
Vou estar atenta - não quero perder o documentário... Obrigada pela informação, e pelo blog!
Um abraço!

Lídia Lopes disse...

Olá Sofia,
Ainda não tive oportunidade de ver este documentário.
Um abraço!

Olá Inês,
Bom Ano e um abraço! :)