quarta-feira, 8 de junho de 2011

Homenagem ao cinema turco no Festroia



A homenagem ao cinema da Turquia, com a entrega de um Golfinho de Cristal à embaixada deste país em Portugal, deu início, no dia 3, à noite, no Auditório da Anunciada, ao 27.º Festroia.
Na presença de actores turcos e do presidente da Associação de Cinema de Ancara, Ahmet Boyacıoğlu, que integra o júri oficial desta edição, Derya Jones, representante da embaixada, agradeceu ao Festival Internacional de Cinema de Setúbal por dedicar o certame à cinematografia turca, que tem crescido nos últimos cinco anos.
“A Turquia tem muito para oferecer na área do cinema,” afirmou Derya Jones ao receber o galardão entregue pela directora do Festroia, Fernanda Silva.
Na cerimónia de abertura, Fernanda Silva agradeceu a todas as entidades que apoiam a realização do festival, do Instituto do Cinema e do Audiovisual ao Media Programme of the European Union.
A diretora do Festroia dirigiu um especial reconhecimento à Câmara Municipal de Setúbal, patrocinador oficial, que atribuiu um apoio na ordem dos 135 mil euros para a edição deste ano.
Apesar de todas as dificuldades financeiras, Fernanda Silva garantiu uma programação de excelência, com a passagem de 180 histórias, de 40 países, até dia 12, “que farão sonhar, rir e chorar”.
O público presente na cerimónia de abertura, que contou com a actuação dos “Paganinus”, grupo de violinos do Conservatório Regional de Setúbal, pôde ainda assistir à exibição dos trailers dos 12 filmes que concorrem na Secção Oficial.
Seguiu-se a antestreia da produção francesa “Pequenas Mentiras entre Amigos”, de Guillaume Canet, enquanto no Cinema Charlot – Auditório Municipal era exibido “A Caixa de Pandora”, um dos 20 filmes da Turquia que integram a programação.
Do Auditório da Anunciada, a festa prosseguiu no “meeting point”, uma vez mais instalado na Avenida Luísa Todi, em frente do Esperança Centro Hotel, com o convívio entre actores, realizadores, membros do júri e público.
No sábado à noite, no Auditório da Anunciada, durante a cerimónia de entrega de prémios, são distinguidos com o Golfinho de Carreira o realizador holandês Jos Stelling e a actriz portuguesa Maria de Medeiros.
“O Amor e a Cozinha” é o ciclo temático deste ano, com 12 filmes europeus, um deles “La Cena”, de Ettore Scola, nunca exibido em Portugal.
Além das obras presentes nas secções Panorama Infantil, Panorama Juvenil e Curtos Europeus e no ciclo Cinema Português, há ainda a possibilidade de assistir aos filmes vencedores da 4.ª edição do Curtas Sadinas.
Na 27.ª edição, além do Auditório da Anunciada e do Cinema Charlot, o Festroia passa pelo Cinema City Classic Alvalade, em Lisboa, com sete sessões diárias.

(Fonte: Rostos)

Sem comentários: